A  MINHA  ALMA  GLORIFICA  O  SENHOR
POESIA DE TEMA RELIGIOSO

Diogo Brandão

 

 

 

 

 

VILANCETE A NOSSA SENHORA

 

Rainha celestial
repairo de nossas dores,
grandes são os teus louvores!

 

Senhora, como nasceste,
tua virtude foi tanta,
qu'aquela embaixada santa
com grande fé mereceste.
Tão continente viveste,
que não bastam oradores
recontar os teus louvores.

 

A mercê que percalçaste
nossa vida repairou,
pois com teus peitos criaste
Aquele que Te criou.

Foste causa que mudou
o grão Senhor dos senhores
em prazer as nossas dores.

 

Por em Ti ser encarnado,
e por seres sua madre,
o nosso primeiro padre
foi dos tormentos livrado.

Somos livres de pecado,
quando queres dar favores
os que são teus servidores.

 

Oh Fonte de piedade,
madre de misericórdia,
quem de Ti não faz memória
vai mui longe da verdade.

És cheia de caridade,
e de tamanhos primores,
que são grandes teus louvores.

 

Mitiga nossos tormentos,
que com tantos males crescem,
pois nossos merecimentos
sem os teus nada merecem.

Socorro dos que padecem,
que sejamos pecadores,
faze-nos merecedores.

 

Fim

 

E assi, por teu respeito,
dina Virgem e decora,
faze que hajam efeito
as nossas preces, Senhora.

Que se nos deixas ua hora
a nossos perseguidores,
não teremos valedores.

 

Home page – Plano do sítio – Poetas Portugueses